Diástase abdominal: como a eletroestimulação pode acabar com o aspecto de abdômen inchado no pós-parto

21:57

 Com todas as mudanças por causa da gravidez, a diástase abdominal pode aparecer e causar um baita incômodo no pós-parto. Como alternativa, o treino de eletroestimulação traz resultados precoces para reverter o problema e trazer a recuperação do corpo

O corpo passa por várias mudanças na gravidez e, principalmente, no pós-parto muitas mulheres enfrentam complicações na autoestima. Mas, algumas das transformações que acontecem ao longo da gestação podem resultar em diástase abdominal, por isso, é super importante ficar de olho nesse problema.
Quando ocorre a diástase abdominal, que é o afastamento dos músculos na região, é possível notar a aparência de abdômen estufado. Isso acontece pelo aumento da pressão intra-abdominal, devido ao crescimento do útero, causando um espaço de até 10 cm em média no local.
Indo além da questão estética, a diástase abdominal também pode trazer dores na região lombar, causando outros problemas no futuro se não tratada. Esse impacto pode resultar ainda em: alterações na postura, baixa autoestima e fraqueza muscular.
De olho nos exercícios
Uma das alternativas para acabar com a diástase abdominal é a prática de exercícios físicos. Mas, vale lembrar que eles devem ser direcionados por um especialista! Desta maneira, é possível reverter o problema e ter a recuperação do corpo.
Dentre as atividades, a eletroestimulação é uma grande aliada no tratamento para diástase, pois auxilia na flacidez, além de estimular nervos e induzir a contração muscular para fortalecer a região.
"A eletroestimulação muscular (EMS) é capaz de estimular até 300 músculos de uma vez em apenas 20 minutos de treino. A técnica consiste em choques leves e intercalados de quatro segundos, que conseguem atingir camadas profundas da musculatura. E a prática não para por aí: ela ajuda na perda de medidas, mobilidade, tratamento de lesões, tonificação dos músculos, resistência e força", explica Rafael Protein, educador físico, personal trainer e especialista em Bioquímica, Fisiologia, Treinamento e Nutrição Desportiva, pelo instituto Labex da UNICAMP, e embaixador no Brasil da IMotion,
De acordo com ele, os treinos podem ser ajustados a partir das preferências de cada aluno, sendo turbinado ainda com outras atividades. "Isso permite eficácia em resultados e traz treinos inovadores, mais dinâmicos e divertidos para as alunas. Os resultados são rápidos e evidentes", ressalta.
Outro possível tratamento para a diástase abdominal é a cirurgia, mas ela só deve ser feita em último caso. A operação consiste em retirar o excesso de pele, porém não fortalece os músculos que estão fracos e não auxilia na recuperação da postura, por exemplo. Por isso, quando o problema é diagnosticado, ele não deve ser ignorado!
"Com a eletroestimulação, além de trazer resultados mais rápidos para a diástase, o desconforto sofrido pela puérpera é diminuído, pois um maior número de fibras musculares é trabalhado, obtendo resultados precocemente", destaca Rafa Protein.
Ao todo, 40 mil contrações são realizadas em um curto período de tempo sem que isso traga malefícios à saúde e, inclusive, contribuindo para a reabilitação em diferentes situações, como recuperação de lesões ou atrofias relacionadas ao processo de envelhecimento, doenças crônicas e diástase abdominal.
O personal, criador do método Eletroprotein e responsável pelos treinos de famosas como Monica Martelli, Adriane Galisteu e Cris Arcangeli, reforça ainda que o treino de eletroestimulação deve ser feito apenas com profissionais capacitados. "É essencial que as pessoas busquem centros de referência e educadores físicos com conhecimento comprovado no uso da Eletroestimulação. Apenas educadores físicos devidamente preparados para o uso da tecnologia de eletroestimulação poderão elaborar um plano de treinos adequado, que inclui o tipo de intensidade e pontos a serem estimulados", finaliza Rafa Protein.
Sobre Rafael Protein
Rafael Ferreira "Protein" é um profissional de Educação Física formado pela UNIFAE, personal trainer e especialista em Bioquímica, Fisiologia, Treinamento e Nutrição Desportiva pelo instituto Labex da UNICAMP.
Criador do método Eletroprotein, seus treinos envolvem diversas disciplinas, como mobilidade, musculação, eletroestimulação (EMS), core e estabilização. De acordo com as preferências de cada aluno, outras modalidades podem ser adicionadas ao treino, como lutas, yoga e dança. Rafael tem vasta experiência em treinos de força e funcional, com diversas especializações, dentre elas no método Flow de treinamento. Ele é também um dos precursores do uso da tecnologia de eletroestimulação no Brasil.
Conhecido por sua liderança no segmento de luxo, Rafa cuida dos treinos de personalidades como as apresentadoras Adriane Galisteu, Daniela Albuquerque e Luciana Gimenez, a atriz Mônica Martelli, a cantora Luiza Possi, as empresárias Marina Morena e Cris Arcangeli, os atores Henri Castelli e Arthur Aguiar, o publicitário Joca Guanaes, o nutrólogo Thiago Volpi, o arquiteto Leo Shehtman e o empresário e apresentador Marcelo de Carvalho. No segmento corporativo, é também responsável por programas de bem estar para colaboradores de grandes empresas como Latam, Gol e BTG.
Em seu espaço, localizado no coração dos Jardins, em São Paulo, Rafael Protein orquestra uma equipe multidisciplinar de coaches fitness, esteticistas e profissionais multidisciplinares para prática complementar de yoga, reiki, aromaterapia e constelação, entre outras práticas voltadas aos cuidados com corpo e a mente. E mesmo com a rotina de trabalho agitada, como personal e empreendedor consegue responder a todos os directs e mensagens, cuida de seus dois bulldogs francês Creatina e Glutamina e ainda encontra tempo para treinar, sua maior paixão.

You Might Also Like

0 comentários

Só libero os comentários depois de lê-los.
Se tiverem alguma dúvida, perguntem que eu responderei por aqui mesmo!
Obrigada pela visita!

Seguidores

Hurb